Feriado Via Expressa 2

Compartilhe: Permalink:

A iluminação decorativa de monumentos históricos e pontos turísticos é um grande apoio à conscientização e mobilização da sociedade sobre temas específicos. Para participar desta mobilização, a Rodosol ilumina os pilares centrais da Terceira Ponte.

Em comemoração a Semana da Pátria e ao Dia da Independência do Brasil, os pilares centrais da Terceira Ponte são iluminados nas cores  verde e amarelo. A homenagem acontece do dia 01 ao dia 12 de setembro deste ano.

Compartilhe: Permalink:
31 ago de 2016 Comente aqui

Terceira Ponte: a realidade do sonho

Publicado às 12:42

O idealizador do projeto da Terceira Ponte, Élcio Alvares, fala um pouco sobre como surgiu a ideia de construir a ponte e também do seu orgulho em ver o desenvolvimento que foi proporcionado por ela. Élcio governou o Espírito Santo de 1975 a 1979. 

Divulgação.

Divulgação.

“A Terceira Ponte não é um projeto isolado e nasceu de uma visão mais ampla, visando o desenvolvimento da Grande Vitória, servindo-lhe como eixo e facilitando a expansão do aglomerado urbano. O projeto nasceu de um sonho, que era interligar Vila Velha a Vitória e, daí, aos outros municípios, desafogando o trânsito, que vivia engarrafado, e ampliando a mobilidade urbana.

De início apenas uma ideia que discuti com o então Secretário Belmiro Teixeira, ela começou a tomar forma a partir da contratação do Escritório Figueiredo Ferraz, que preparou o projeto. Com sua ajuda, definimos o formato, adotando o desenho em curva, para preservar o Convento da Penha, ícone do Estado. Assim que o projeto ficou pronto, mobilizei-me para concretizá-lo e obtive a ajuda do Presidente Ernesto Geisel, a quem apresentei a ideia da construção em uma visita ao Espírito Santo. Fizemos o sobrevoo da região e mostrei-lhe o local onde pretendia construir a Terceira Ponte.

O passo seguinte foi apresentar o projeto ao Governo Federal, buscando aprovação para a contratação do empréstimo externo de 30 milhões de dólares para a sua construção, ao mesmo tempo em que o Governo Estadual começava a prepara a infraestrutura para recebê-la. A Ponte não era uma obra isolada em si, mas pensada como continuação da Rodovia do Sol e um grande traçado urbanístico para a Grande Vitória, com base em estudos de desenvolvimento realizados pelo Instituto Jones dos Santos Neves.

Aos poucos e a partir do apoio do Presidente Ernesto Geisel pude antever que o sonho se tornaria em realidade. Então, demos início às obras com os olhos voltados para o futuro, pensando no Espírito Santo anos à frente e oferecendo a ligação como instrumento capaz de ajudar neste desenvolvimento e na integração das regiões. Os trabalhos começaram e progrediram rápido, deixando antever a grande obra que teríamos ao final, na sua conclusão.

Das coisas pela quais lutei, pensando no futuro e no desenvolvimento do Espírito Santo, a Terceira Ponte é uma das que mais me orgulham. Olhando em perspectiva, vejo que a decisão foi acertada e entregamos ao Estado – muitos anos depois, é verdade – um instrumento fundamental ao seu desenvolvimento e à mobilidade urbana na região da Grande Vitória.

Hoje, com orgulho, posso dizer que a Terceira Ponte se transformou em marco, não só por ser a maior obra de engenharia civil do Espírito Santo, mas também por ter possibilidade que o sonho de ver o Estado crescer e se desenvolver, se consolidou, muito graças à iniciativa que transformou-se em parte de nossa paisagem”.

Compartilhe: Permalink:
23 ago de 2016 Comente aqui

Ela é minha, ela é sua, ela é nossa!

Publicado às 8:42

Há 27 anos ela faz parte do dia a dia do capixaba e compõe um dos cenários mais lindos do nosso estado. Dona de uma vista espetacular, a Terceira Ponte liga as cidades de Vitória e Vila Velha e é caminho para mais de 200 mil pessoas, construindo histórias, inspirando sentimentos e conectando emoções.

A Ponte Dep. Darcy Castello de Mendonça foi inaugurada em 23 de agosto de 1989 e hoje completa 27 anos. Desde sua idealização, a construção recebe altos investimentos em engenharia, o que permite que o usuário tenha conforto e segurança ao passar pelos seus 3,3 quilômetros de extensão.

Com 61 pilares e vão central de 70 metros de altura, a edificação permite a passagem de navios de grande porte pela baía de Vitória e é passagem para mais de 80 mil veículos por dia.

“Administrar um dos cartões postais do nosso estado é um orgulho. A ponte é trabalho, é trajeto, é beleza, é superação e, além de tudo, é inspiração para nosso dia e de muitas pessoas que circulam por ela. Comemoramos os 27 anos com muito orgulho e felicidade”, diz Geraldo Dadalto, presidente da RodoSol.

A primeira tarifa foi cobrada por André Beltrane que, na época era arrecadador e hoje é gerente de atendimento. “É emocionante comemorar mais um aniversário da Ponte, pois estou presente desde o começo e vivenciei muitos momentos importantes. Sinto-me honrado em participar desta história e de ter vivido tantas coisas boas neste lugar”, conta.

A Terceira Ponte será administrada pela Concessionária Rodovia do Sol até 2023. Até lá, a RodoSol tem o compromisso de proporcionar segurança e conforto a todos os usuários prestando serviços de qualidade e com bom atendimento.

Alguns funcionários da Concessionária Rodovia do Sol enviaram fotos em comemoração aos 27 anos da Terceira Ponte. Veja:

Compartilhe: Permalink:

O aplicativo chegou ao Brasil na semana passada e já virou febre em todos os lugares. Apesar de o jogo ser divertido e viciante, há lugares que caçar pokemon não é nada legal. Além de ser proibido pelo Código de Trânsito Brasileiro, usar o celular enquanto dirige aumenta o risco de acidentes.

Apesar de muitos acharem que é possível utilizar o celular enquanto dirigem, isso pode ter graves consequências. No trânsito, o aparelho pode distrair o motorista, diminuindo sua percepção para prever e identificar riscos.

Segundo o Capitão Volpato, do Batalhão de Trânsito do ES, a falta de atenção é uma das principais causas de acidentes.  “Usando o celular a pessoa perde os reflexos e dificulta a percepção de erros. Ao olhar para a tela, o motorista perde a visão da pista e é causador de vários danos”.

Como orientação, a RodoSol alerta aos usuários para o uso de celular no sistema Rodovia do Sol. A Terceira Ponte é um local de grande fluxo de carros e, por isso, há um alto índice de acidentes. Muitas vezes, a falta de atenção do motorista resulta em colisões traseiras e engavetamentos. Somente em 2016, a concessionária já registrou 107 acidentes destes tipos.

Sobre o uso do aplicativo, Geraldo Dadalto, presidente da RodoSol, orienta que os motoristas não podem jogar enquanto dirigem. “É um risco gravíssimo que o motorista está assumindo, colocando sua própria vida e a vida do outro em risco. Na maioria das vezes, os acidentes acontecem por mera distração”, diz.

Apesar de o jogo ser um entretenimento, a RodoSol aconselha que a diversão seja consciente e em lugares apropriados.

13906626_1425740777441160_3567718455201811918_n

Compartilhe: Permalink:

Os motoristas que passarão pela Rodovia do Sol neste domingo (07), deverão ficar atentos às sinalizações. A partir das 7h30, haverá interdição parcial na ponte do Rio Jucu, em Vila Velha, para substituição de postes de energia.  A previsão é que a via seja totalmente liberada às 16h00.

A manutenção elétrica acontecerá sentido Guarapari, no km 11. A equipe utilizará a pista da direita e a da esquerda estará liberada para passagem de veículos.  A RodoSol orienta aos motoristas que tenham atenção ao passar pelo local e respeitem o limite de velocidade.

A atividade é realizada pela empresa EDP com apoio da RodoSol. A troca dos postes elevará o nível de transmissão, ou seja, aumentará a altura em relação a ponte, beneficiando os pescadores e moradores da região, melhorando a distribuição de energia no local.

A manutenção, que aconteceria no dia 31 de julho, foi desmarcada devido ao mal tempo, que inviabilizou a operação.

Compartilhe: Permalink:

Os motoristas que passarão pela Rodovia do Sol neste domingo (31), deverão ficar atentos às sinalizações. A partir das 7h30, haverá interdição parcial na ponte do Rio Jucu, em Vila Velha, para substituição de postes de energia.  A previsão é que a via seja totalmente liberada às 16h00.

A manutenção elétrica acontecerá sentido Guarapari, no km 11,5. A equipe utilizará a pista da direita e a da esquerda estará liberada para passagem de veículos.  A RodoSol orienta aos motoristas que tenham atenção ao passar pelo local e respeitem o limite de velocidade.

A atividade é realizada pela empresa EDP com apoio da RodoSol. A troca dos postes elevará o nível de transmissão, ou seja, aumentará a altura em relação a ponte, beneficiando os pescadores e moradores da região, melhorando a distribuição de energia no local.

analisadores

Compartilhe: Permalink:

Para melhorar a segurança no trânsito e evitar acidentes, alguns radares da Terceira Ponte serão aferidos na manhã deste domingo (31). A partir das 7h00, haverá interdição parcial das pistas no sentido Vila Velha x Vitória.

A previsão é que o trânsito seja parcialmente interditado de 7h00 as 10h00, sentido norte, na descida da Ponte, em Vitória. A equipe fará aferição de todas as faixas, uma de cada vez. Portanto, haverá interdição de uma pista e as outras estarão disponíveis para passagem de veículos.

O serviço é realizado pelo Departamento de Estradas e Rodagens do Espírito Santo (DER) e pelo consórcio Velsis, com apoio da RodoSol. A data e o horário foram escolhidos devido ao menor fluxo de veículos que passam pelo local. Alertamos para o trânsito seguro e atenção ao passar pelo local.

 

P1080964

 

Saiba mais

O DER-ES é o órgão do governo, responsável pela instalação, operação e manutenção dos equipamentos de fiscalização eletrônica ao longo da rodovia. A RodoSol dá o suporte necessário para que uma equipe do órgão fiscalizador realize a aferição dos aparelhos, visando à manutenção do fluxo de veículos e causando o menor impacto possível ao trânsito.

Além disso, todos os dados registrados pelos radares são enviados diretamente ao sistema do DER-ES. A receita proveniente das multas também é de responsabilidade do governo, que a converte em melhorias no sistema viário estadual.

E apesar de operar, manter e conservar o Sistema Rodovia do Sol, no trecho entre a Terceira Ponte e o trevo de Meaípe, a RodoSol, a concessionária não tem autoridade para prender, fiscalizar, autuar ou aplicar e emitir multas. Os casos de infrações são fiscalizados pelo DER-ES e pelo Batalhão de Trânsito da Polícia Militar.

Compartilhe: Permalink:

Após ser sancionada a lei que determina o uso obrigatório de farol baixo nas rodovias durante o dia, a RodoSol, em parceria com a Arsi e BPtran, promove a campanha “Tá Ligado”. Durante alguns dias, haverá ações de conscientização na Rodovia ES-060 e na Terceira Ponte para difundir a importância desta prática.

Flyer - frente
Flyer - verso

Sabendo da importância da lei e dos benefícios que ela traz, a concessionária Rodovia do Sol vai até os motoristas para informar, esclarecer e conscientizar sobre o uso dos faróis acesos. “Cuidamos de uma rodovia extensa por onde passam milhares de veículos por dia e que possui trechos urbanos com travessia de pedestres. Nosso objetivo é contribuir para que o condutor saiba que com os faróis acesos há menos riscos de acidentes devido a maior visibilidade. É uma medida de segurança para motoristas e pedestres”, diz Geraldo Dadalto, Presidente da RodoSol.

A Agência Reguladora de Saneamento Básico e Infraestrutura Viária do Espírito Santo (Arsi) e o Batalhão de Trânsito (BPtran) apoiam a campanha e estão presentes em diversas ações educativas que a concessionária promove.  Segundo o Capitão Volpato, do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, ações como esta são primordiais para que o motorista reconheça a necessidade da mudança.  “Ir até o motorista e mostrar a importância de usar os faróis acesos ajuda na compreensão e no cumprimento da lei”, diz. O Capitão ainda lembra que usar o farol aceso garante maior visibilidade de quem vem no sentido contrário e evita colisões frontais e atropelamentos.

Para Kátia Muniz Côco, Diretora Técnica da Arsi, a ação mostra para o usuário da via a importância de respeitar a legislação de trânsito e, mais ainda, a necessidade de todos serem vistos, uns pelos outros. “O farol aceso garante menos acidentes. É importante que todos fiquem atentos ao cumprimento da legislação para evitar colisões e outros transtornos, como as multas, por exemplo”.

As ações acontecerão nos dias 29 e 30 de julho, na Terceira Ponte e na Rodovia, respectivamente. Outras ações serão feitas nos dias 05 e 06 e agosto.

Adesivo

Compartilhe: Permalink:

Na tarde desta quinta-feira (22), a RodoSol entregou mais um  cheque da Campanha Troco Pedágio. Desta vez, a instituição beneficiada foi a Acacci, que recebeu mais de R$ 8 mil dos usuários do Sistema Rodovia do Sol.

“A concessionária é apenas um meio para realizar esta doação. Os principais colaboradores são aqueles que trafegam pela ponte e pela rodovia e fazem as doações por meio das caixas de arrecadação. A RodoSol é grata a todos aqueles que sabem o valor e a importância desta campanha”, disse o presidente da RodoSol, Geraldo Dadalto.

As doações são feitas nas caixas de arrecadação, que ficam nas cabines de cobrança. Aqueles que desejam, colocam suas moedas nas caixas e contribuem com a instituição participante. A Acacci participou por 90 dias e arrecadou R$8.929,15.

Para realizar a entrega do cheque, estavam presentes o presidente da RodoSol, Geraldo Dadalto, e a Diretora Presidente da Acacci, Marizilda dos Santos Vairo. Além de funcionários da RodoSol e voluntários da Acacci.

Segundo Marizilda Vairo, esta campanha é imensamente significativa para a instituição. “Nós realizamos um trabalho de formiguinha e é muito bom saber que os usuários do Sistema Rodovia do Sol acreditam na Acacci. Toda moeda doada tem grande importância, pois gera um resultado muito maior do que o doador imagina”, conta.

Atualmente, quem participa da campanha Troco Pedágio é a Associação Renascer. Ela atende famílias em situação de vulnerabilidade social e crianças e adolescentes portadores de necessidades especiais. Eles receberão as doações feitas do dia 18 de julho a 18 de outubro de 2016.

 

essa

 

Saiba como participar

Cada entidade, após análise e aprovação pela empresa, tem o direito de participar da campanha por 90 dias. Para isso, a entidade deve comprovar a realização de atividades sem fins lucrativos e estar inscrita nos órgãos competentes e em situação regular. É necessário também apresentar a cópia do estatuto social com alterações e CNPJ, relatório apresentando a instituição e os responsáveis, público-alvo, objetivo de utilização do valor arrecadado e a certidão negativa de débitos – INSS, FGTS e Receita Federal.

As solicitações de inscrição podem ser encaminhadas pelos seguintes meios:

Fax: 3334 – 7801 / 3334 – 7851

E-mail: relacionamento@rodosol.com.br

Carta Ofício: Concessionária Rodovia Sol S/A., Rua Tenente Mário Francisco Brito, 415, Enseada do Suá, CEP: 29050-555, Vitória – ES; aos cuidados do setor de Comunicação Corporativa

Compartilhe: Permalink: