- Blog Rodosol - https://www.rodosol.com.br/blog -

Trânsito parado na Terceira Ponte? Entenda como funciona a operação da RodoSol em caso de panes e acidentes

Nesta segunda-feira (12) um acidente registrado às 18h19, horário de fluxo intenso na Terceira Ponte, no sentido Vitória – Vila Velha, resultou num enorme engarrafamento na capital. O trânsito ficou praticamente parado por mais de uma hora. Quem ia para Vila Velha precisou ter paciência. Por que isso aconteceu? Como a RodoSol age em caso de acidentes e panes? É essa questão que vamos esclarecer aqui no blog hoje.

Antes de mais nada, é preciso entender que a RodoSol não tem poder de polícia. A concessionária não tem autoridade para fiscalizar, prender, autuar ou multar. Isso é trabalho para a polícia e demais órgãos competentes.

Um outro ponto importante que devemos ressaltar é que a Terceira Ponte é monitorada por câmeras de vídeo em toda a sua extensão, 24 horas, além do monitoramento presencial com o uso de guinchos, moto e veículos de inspeção.

As ocorrências são geradas a partir da visualização das câmeras pelos operadores do Centro de Controle Operacional (CCO) e/ou por meio do telefone de emergências da RodoSol – 0800 979 0060 – acionado pelos usuários.



Centro de Controle Operacional

Centro de Controle Operacional




O procedimento inicial é basicamente o mesmo para todas as situações. Assim que a ocorrência é registrada, os operadores do CCO identificam o tipo de ocorrência e, imediatamente, acionam os recursos necessários. Se for apenas uma pane, o guincho é enviado ao local, pois é o suficiente para remover o veículo e desobstruir a via. Já em caso de acidentes, o primeiro passo é identificar a existência de vítimas e sinalizar a área para evitar novas colisões. Se houver vítimas fatais ou feridas, a equipe de resgate também é acionada e a ambulância deslocada para o local da ocorrência. Simultaneamente, o fato é registrado no Centro Integrado de Operações de Defesa Social (CIODES), pois, apenas a polícia pode autorizar a retirada dos veículos em caso de acidentes com vítima.

Acidentes

Os acidentes são classificados de três formas: acidente sem vítima, acidente com vítima ferida e acidente com vítima fatal. Para cada tipo de ocorrência existe um procedimento específico que é rigorosamente seguido pelas equipes de tráfego e resgate.

Campanha Colisão traseira

Começando pelos acidentes sem vítimas, o procedimento é o seguinte: o inspetor de tráfego é acionado, sinaliza o local e identifica a situação dos veículos. Se houver  condição de trafegar de forma segura, apesar da batida, os motoristas devem liberar a pista imediatamente. No caso de veículos avariados, sem condições de trafegar, o guincho efetua a remoção para um local seguro ou posto da polícia mais próximo. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, a via deve ser liberada o mais rápido possível e o boletim de ocorrência pode ser gerado até 72 horas após o acidente.

Quando há vítimas feridas, além do guincho, a equipe do CCO aciona o resgate e o CIODES. Uma ambulância é deslocada para realizar os primeiros-socorros e estabilizar a vítima até que ela possa ser removida para o hospital mais próximo. A retirada dos veículos neste tipo de acidente fica condicionada a liberação por parte da polícia. A RodoSol não pode efetuar a remoção sem a autorização do CIODES que, normalmente,  envia uma equipe do Batalhão de Trânsito ou Justiça Volante para realizar a perícia e elaborar o boletim de ocorrência. Em alguns casos a RodoSol é autorizada a remover os veículos para que diminua os impactos no trânsito.

Em acidentes com vítimas fatais o procedimento inicial é o mesmo. Entretanto, os veículos só podem ser retirados depois que a Polícia Civil realiza a remoção dos corpos e a perícia conclusiva para a identificação das causas do acidente e da morte. Neste caso o processo é um pouco mais lento e a RodoSol apenas auxilia na sinalização e acompanha o trabalho até que a pista possa ser liberada.


Panes

Existem diversos tipos de pane: mecânica, elétrica, pane seca, entre outros. Por incrível que pareça, a campeã de ocorrências na Terceira Ponte é a pane seca, ou seja, falta de combustível. Como explicamos anteriormente, a RodoSol não tem poder de polícia. Portanto, não tem autoridade para multar usuários, mesmo que a pane seca seja considerada infração. Cabe aos órgãos competentes fiscalizar e multar os motoristas infratores. O procedimento da concessionária para as ocorrências de pane é simples: remover o veículo, com a utilização de um guincho, para um local seguro. Este tipo de atendimento leva, em média, dez minutos, em condições normais de tráfego, desde o acionamento do guincho, sinalização do local, remoção do veículo e liberação da pista. O gerente do Núcleo de Atendimento ao Usuário da RodoSol, André Beltrane, explica que a cada dez minutos de uma via interditada, o impacto é enorme. “Nesses 10 minutos, uma faixa da via fica interditada e outra opera em 60% de sua capacidade. Isso significa dizer que cerca de 400 veículos no total deixam de circular, o que representa um congestionamento de cerca de 2,1 quilômetros”, explica  o gerente de atendimento, André Beltrane.

Campanha Pane Seca

Curiosidade

Parar para ver um acidente, tentar remover vítimas, sair do carro para desviar o trânsito são atitudes que, mesmo com boas intenções, não ajudam em nada. Pelo contrário, muitas vezes pioram ainda mais a situação. Não há como negar que um veículo parado na Terceira Ponte com pane ou mesmo um acidente causam um grande impacto no trânsito. Porém, se os motoristas diminuíssem a velocidade sem parar para olhar o que está acontecendo, o impacto seria muito menor. A curiosidade pode causar novos acidentes. É preciso ter consciência de que a melhor forma de ajudar nestes casos é acionar o socorro e deixar que os profissionais atuem. Se você presenciar um acidente, visualizar um veículo com pane ou qualquer situação que possa oferecer risco ao usuário, acione o telefone de emergências da RodoSol – 0800 979 0060. Nós estamos prontos para lhe atender. Deixe a curiosidade de lado. A sua ligação pode salvar uma vida! Contamos com você!