• VIA EXPRESSA

    Atendimento

    0800 28 38 100
  • Emergência

    SAU - Serviço de auxílio ao usuário

    0800 979 00 60
    • Facebook
    • Twitter
    • Blog

Obras na Terceira Ponte irão melhorar a mobilidade urbana

Publicado em 13 de fevereiro de 2017 às 06h18

 

Com objetivo de minimizar os impactos no trânsito causados por panes, acidentes ou incidentes graves, como ônibus quebrado, a RodoSol fará uma intervenção na Terceira Ponte .  A obra faz parte do plano de contingência da concessionária e tem previsão para ser concluída até julho deste ano.

Após a obra, a ponte contará com quatro aberturas nas medianas de concreto, que é aquele muro baixo que divide um sentido do outro. Essas aberturas servirão para desviar o trânsito em casos de grandes engarrafamentos. De acordo com Geraldo Dadalto, diretor-presidente da RodoSol, a ponte já possui duas aberturas de 4 metros cada, porém há necessidade de estendê-las ainda mais e de abrir outras duas.

“As aberturas que já existem tem finalidade de permitir acesso ao interior  da ponte, além de ajudar na manobra das viaturas da RodoSol no atendimento de alguma ocorrência, facilitando o retorno. Com a obra, teremos quatro aberturas e todas elas servirão para os veículos desviarem do congestionamento”, disse.

Em cada abertura haverá um portão metálico, da altura da mediana. Os chamados Gate Guard ficarão fechados quando o fluxo de veículos estiver fluindo normalmente.

“Por exemplo, se estamos com um veículo de grande porte quebrado em cima da ponte, no sentindo Vila Velha para Vitória, no horário de pico, comprometendo o fluxo de uma das pistas neste sentido, iremos abrir os portões de modo que quem vem de Vila Velha  possa desviar para uma pista do sentido oposto, até passar pelo ponto da ocorrência e retornar para sua pista normal”, esclarece.

“Precisamos deixar claro que esta medida não solucionará por completo a questão da fluidez na Terceira Ponte em caso de um grande incidente. No entanto, ela visa diminuir o impacto causado por essas ocorrências, contribuindo para melhorar a mobilidade de quem trafega na via”, destaca Geraldo Dadalto.

Geraldo reforça, ainda, que há apoio do Ciodes, da Agência Reguladora de Serviços Públicos (Arsp), do Batalhão de Trânsito, da Polícia Militar e das Guardas Municipais. “Todos comprometidos e envolvidos em melhorar o trânsito entre Vitória e Vila Velha”, afirmou.

Entenda o Plano de Contingência

Quem passa pela Terceira Ponte e pela Rodovia do Sol e se depara com panes ou acidentes, não imagina que por trás de cada evento desses, tem uma equipe estudando e trabalhando para diminuir os impactos causados ao trânsito no local.

Esses estudos e planejamentos fazem parte do Plano de Contingência da concessionária, que visa estudar, analisar e propor soluções viáveis para cada ocorrência que compromete a mobilidade urbana. A equipe se reúne periodicamente e sempre que há uma emergência.

Nas reuniões são apresentados e analisados relatórios que servirão de base para o planejamento de ações específicas. Além da RodoSol, outros órgãos são envolvidos nas ações, de acordo com a necessidade de cada uma.

2017 © Rodosol - Todos os direitos reservados   |   Política de privacidade   |   Ir para o topo 4Ps - Quatrops