21 jul de 2014 Comente aqui

Novo site da RodoSol é lançado hoje, 21/07

Publicado às 11:48

 

Lançamos hoje mais um canal para facilitar a ponte entre você e os nossos serviços.

No site será possível saber todas as informações referentes a empresa, acesso as câmeras da Terceira Ponte, anemômetro, contato para marcação de visitas, além de outras facilidades.

Não perca tempo, Acesse www.rodosol.com.br e confira o nosso novo site.

Compartilhe: Permalink:

A Rodosol informa que no próximo domingo, 20 de julho, a Terceira Ponte vai ter uma pista parcialmente interditada, às 8h30 no sentido sul (Vitória – Vila Velha) e às 10h30 no sentido norte (Vila Velha – Vitória), para a realização do Pedalaço pela Paz.

Todas as informações sobre o trânsito na Terceira Ponte no dia da prova serão divulgadas em tempo real no nosso twitter (@RodoSol).

Pedimos aos atletas que evitem jogar as garrafinhas de água na pista, pois com o vento elas correm o risco de caírem na baía de Vitória.

Compartilhe: Permalink:
23 jun de 2014 Comente aqui

Valores do pedágio de Guarapari

Publicado às 11:15

Compartilhe: Permalink:
5 jun de 2014 Comente aqui

05 de junho: Dia Mundial do Meio Ambiente

Publicado às 16:22

Que a palavra extinção seja para sempre extinta.
E as folhas que nos inspiram continuem vivas, verdes.
Que a água seja límpida e pura, purificando a alma e matando a sede.
Que os animais sejam sempre nossos amigos, companheiros e que o mundo seja o nosso melhor presente para as futuras gerações.

#DiaMundialdoMeioAmbiente

Preservar o Meio Ambiente é um dos pilares da RodoSol. Por isso criamos o projeto “É o Bicho” com o foco no cuidado dos animais silvestres que habitam as reversas que cortam a Rodovia do Sol, e o programa “Peões do Asfalto” que captura os animais rurais e domésticos que fogem e acabam indo parar na via.

Além disso, também é feito ao longo do ano campanhas para conscientizar os motoristas a não jogarem lixo nas estradas, reciclagem entre outras. Porém, para que a Natureza seja preservada é preciso a ação de cuidado de todos. Faça a sua parte. Recicle, economize água, jogo lixo no lixo, não compre animais silvestres. A Natureza, o Mundo e seu futuro agradecem!!

Compartilhe: Permalink:


Atenção: o serviço da Via Expressa continua funcionando na praça de pedágio da Praia Sol, em Guarapari, localizada no Km 30. Portanto, os usuários do sistema que tem a forma de pagamento por meio de débito automático ou cartão de crédito continuarão tendo o serviço descontado.

Caso não façam mais uso do atendimento prioritário e desejem cancelar o serviço é necessário ir até a loja da Terceira Ponte portanto o TAG e os seguintes documentos.

Em caso de pessoa jurídica:

Para o cancelamento de um contrato é necessário levar uma cópia da última alteração contratual social e o documento da pessoa responsável pela empresa. Caso quem vier fazer o procedimento for um funcionário da empresa é necessário entregar uma autorização com nome e CPF do funcionário que virá até a loja realizar esse procedimento, em papel timbrado da empresa . (Esse documento deve estar assinado pelo proprietário da empresa ou o responsável ), solicitando o cancelamento do contrato, constando uma conta corrente em nome da empresa para que possamos fazer o depósito do valor do saldo existente).

É estritamente necessária a apresentação da TAG para o processo ser concluído.

Caso seja pessoa física:

Para o cancelamento de um contrato é necessário entregar uma autorização com nome e CPF do mesmo que realizará o procedimento, junto a autorização o número da conta corrente do titular do contrato para fazer um depósito do saldo existente no contrato (esse documento assinado pelo titular do contrato), além de trazer a cópia da identidade da pessoa que assina o contrato social.

É estritamente necessária a apresentação da TAG para o processo ser concluído.

Se o usuário estiver com o saldo negativo o serviço será cancelado apenas após o pagamento do valor devido e a entrega do TAG.

Compartilhe: Permalink:

A RodoSol irá cumprir todas as determinações do governo do Estado e confia no restabelecimento da segurança jurídica, reiterando que as informações que serviram de base para a suspensão da cobrança do pedágio da Terceira Ponte, produzidas irresponsavelmente pelo Tribunal de Contas, são mentirosas e repletas de nulidades.
A empresa ainda está avaliando as consequências dessa decisão e as medidas cabíveis, mas, em respeito a seus usuários e aos seus 350 funcionários, julga necessário, esclarecer algumas dessas informações.

Entre as mais absurdas, está a afirmação fantasiosa de que a RodoSol teria deixado de investir R$ 798 milhões, soma que é muito superior aos R$ 620 milhões de receita bruta obtidos pela empresa nos 15 anos da concessão.
É igualmente falsa a informação do relatório preliminar do Tribunal de que houve sobrepreço na tarifa básica da concessão. O preço apresentado na concorrência foi, inclusive, inferior ao valor estabelecido pelo Governo do Estado, no Edital da época.
Vale lembrar que o mesmo Tribunal de Contas, na auditoria realizada em 2010, nada de irregular apontou no mesmo contrato da Rodosol. Outros três estudos já realizados sobre o tema (CPI da Assembléia Legislativa, Fundação Getúlio Vargas e Auditoria Geral do Governo do Estado) igualmente nada encontraram de errado no contrato.
Uma das auditorias foi presidida e conduzida pelo hoje conselheiro do Tribunal de Contas Sebastião Ranna em 2005, na época auditor geral do Estado. Naquela auditoria, nenhuma irregularidade foi identificada, procedendo-se à assinatura de Termo Aditivo para reequilíbrio do contrato, após verificação de que existia desequilíbrio em favor da Rodosol da ordem de R$ 157 milhões (documento disponibilizado para a imprensa).
Portanto, se agora o Tribunal de Contas aponta irregularidades no mesmo contrato, porque não investiga o conselheiro Sebastião Hanna por omissão e prevaricação, já que ele nada denunciou em 2005 e ainda coordenou um aditivo de contrato?
Sem ter tido direito de defesa, o que constitui grave violação de princípio básico do Direito, a Rodosol julga importante denunciar a conduta irresponsável do Tribunal de Contas na divulgação de um relatório preliminar repleto de nulidades, números irreais e desrespeito às leis, jogando a opinião pública contra a concessionária.
Trata-se de uma autêntica e absurda condenação prévia, que tem como vítimas, além da própria empresa, o estado de Direito e a segurança jurídica.

Abaixo o relatório da auditoria de 2005 assinado pelo Procurador Geral da época e relator da auditoria realizada atualmente,. Carlos Ranna.



Compartilhe: Permalink:


Compartilhe: Permalink:

A Rodosol informa que no próximo sábado, 5 de abril, a Terceira Ponte vai ter uma pista parcialmente interditada, das 19 às 20:30 horas, no sentido norte (Vila Velha – Vitória), para a realização da 5ª Corrida Rústica da Polícia Militar. A Corrida da PM faz parte dos eventos realizados durante a primeira semana de abril para comemorar o aniversário de 179 anos da corporação.

pista de baixa, da direita, será interditada para passagem dos corredores que vão percorrer a distância entre a Prainha, em Vila Velha, até a Praia de Camburi, em Vitória. Essa será a primeira vez que atletas percorreram um circuito na Terceira Ponte à noite.

A RodoSol, a partir da autorização da Agência Reguladora de Saneamento Básico e Infraestrutura Viária do Espírito Santo (ARSI),   em parceria com a organização do evento vai oferecer suporte necessário para garantir a segurança dos atletas e também dos usuários durante a travessia da Terceira Ponte. Além do apoio na sinalização, a concessionária vai permanecer com o serviço de guincho para remoção de veículos, ambulância e equipe de resgate para casos de emergências, além de monitorar toda a ponte por meio de câmeras do Centro de Controle Operacional (CCO).

Todas as informações sobre o trânsito na Terceira Ponte no dia da prova serão divulgadas em tempo real no nosso twitter (@RodoSol).

Pedimos aos atletas que evitem jogar as garrafinhas de água na pista, pois com o vento elas correm o risco de caírem na baía de Vitória.

Lembrando que no sentido sul, Vitória – Vila Velha, a passagem estará liberada normalmente.

Compartilhe: Permalink:

A Rodosol informa que no próximo sábado, 08 de fevereiro, a Terceira Ponte vai ter uma pista interditada, das 20:30 às 22 horas, no sentido norte (Vila Velha – Vitória), para a realização da 1ª Corrida das Luzes.

A pista de baixa, da direita, será interditada para passagem dos corredores que vão percorrer a distância entre a Prainha, em Vila Velha, até a Praia de Camburi, em Vitória. Essa será a primeira vez que atletas percorreram um circuito na Terceira Ponte à noite.

A RodoSol, a partir da autorização da Agência Reguladora de Saneamento Básico e Infraestrutura Viária do Espírito Santo (ARSI),   em parceria com a organização do evento vai dar todo o suporte necessário para garantir a segurança dos atletas e também dos usuários durante a travessia da Terceira Ponte. Além do apoio na sinalização, a concessionária vai permanecer com o serviço de guincho para remoção de veículos, ambulância e equipe de resgate para casos de emergências, além de monitorar toda a ponte por meio de câmeras do Centro de Controle Operacional (CCO).

Todas as informações sobre o trânsito na Terceira Ponte no dia da prova serão divulgadas em tempo real no nosso twitter (@RodoSol).

Pedimos aos atletas que evitem jogar as garrafinhas de água na pista, pois com o vento elas correm o risco de caírem na baía de Vitória.

Lembrando que no sentido sul, Vitória – Vila Velha, a passagem estará liberada normalmente.

Compartilhe: Permalink:

Na próxima segunda-feira, dia 27 de janeiro, o Departamento de Estradas de Rodagens do Espírito Santo (DER-ES) e o Inmetro vão realizar aferição de radares que  estão instalados em alguns pontos da Rodovia do Sol.

A atividade será realizada a partir das 9h30, com interdição total da pista durante o serviço. Abaixo segue a lista da localização dos radares que serão aferidos e os horários determinados.

- Km 15,3, sentido sul (Vila Velha/Guarapari), às 9:30h;

- Km 14,5, sentido sul (Vila Velha/Guarapari),  às 10:30h;

- Km 9,6, sentido norte (Guarapari/Vila Velha),  às 13:30h;

- Km 25,2, sentido norte (Guarapari/Vila Velha), às 14:30h;

Sendo que no trecho de Itaparica o fluxo será momentaneamente parado para que o veículo teste do DER-ES  possa trafegar com segurança e autonomia nas vias. Já na Barra do Jucú, como a pista é duplicada, o fluxo será desviado para a marginal naquele trecho.

É preciso ressaltar que a data e horário são determinados pelos órgãos. Na ocasião a concessionária pode apenas orientar sobre a realização de eventos como concursos e vestibulares.

Solicitamos aos usuários que colaborem dirigindo com cautela e respeitando às sinalizações especiais. O local receberá toda a sinalização necessária, com cones, placas de obras e setas luminosas.

Rodovia do Sol

Saiba mais

O DER-ES é o órgão do governo, responsável pela instalação, operação e manutenção dos equipamentos de fiscalização eletrônica ao longo da rodovia. A RodoSol apenas dá o suporte necessário para que uma equipe do órgão fiscalizador realize a aferição dos aparelhos, visando à manutenção do fluxo de veículos e causando o menor impacto possível ao trânsito.

Além disso, todos os dados registrados pelos radares são enviados diretamente ao sistema do DER-ES. A receita proveniente das multas também é de responsabilidade do governo, que a converte em melhorias no sistema viário estadual.

E apesar de operar, manter e conservar o Sistema Rodovia do Sol, no trecho entre a Terceira Ponte e o trevo de Meaípe, a RodoSol não tem poder de polícia, ou seja, a concessionária não tem autoridade para prender, fiscalizar, autuar ou aplicar e emitir multas. Os casos de infrações são fiscalizados pelo DER-ES e pelo Batalhão de Trânsito da Polícia Militar.

Compartilhe: Permalink: